ADUPE - Seção Sindical dos Docentes da Universidade de Pernambuco

Com Paulo Câmara, perdas salariais dos docentes da UPE já ultrapassam 30%

11/04/2019

Entrando em seu quinto ano de congelamento salarial, os professores da Universidade de Pernambuco estão sendo convocados pela Adupe a ingressarem na campanha salarial que começa a ser instalada.

De acordo com a direção do sindicato, a pauta de reivindicações será construída nas reuniões com os docentes nos diversos campi da UPE e deverá contemplar temas vitais para a Universidade.

Neste informe, trataremos do primeiro ponto da pauta, que trata da questão salarial.

Como se sabe, o último reajuste salarial dos professores da UPE ocorreu em junho de 2014, como parte do acordo firmado em 2011 entre a Adupe e o Governo do Estado, que estabeleceu reajustes anuais de 6% nos anos de 2012, 2013 e 2014.

Nesta questão relativa às perdas salariais, a Adupe conta com o apoio técnico do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), que está atualizando os estudos relativos às perdas salariais dos docentes.

De acordo com as primeiras estimativas do DIEESE, a defasagem salarial já ultrapassa os 30% apenas no período do governo Paulo Câmara, que vem adotando a política do reajuste zero. O Governo tem recorrido ao argumento de que o limite definido pela Lei de Responsabilidade Fiscal para gasto com pessoal já foi ultrapassado.

Esta desculpa já não cabe. Mais um ano de congelamento é inaceitável. Mas a alteração desse cenário requer o engajamento de toda a categoria como fator de fortalecimento da luta pela reposição das perdas salariais.

Por isso, mais do que nunca, a presença dos professores e das professoras é necessária para enfrentarmos essa conjuntura.

Arquivos

Rua Arnóbio Marques, 405 - Santo Amaro, - Recife/PE CEP: 50100-130 Fone: (81) 3231-5277
2015 - Adupe - Todos os direitos reservados.